Logística no COVID: ainda há muitas oportunidades a capturar

09/02/2021 - SCAMBO

No nosso Sob Todas as Ópticas de janeiro debatemos como será 2021 para logística nas cidades dado que o ‘pós-covid’ não é uma realidade de curto prazo. O debate foi muito rico como esperávamos dado a diversidade de pontos de vista, mas trouxe alguns insights inesperados.

O esperado era tratarmos de algo em torno de ‘já que a pandemia vai perdurar por mais tempo, então a logística seguirá algumas tendências que estão postas, etc.’. Porém, fomos para um caminho totalmente diferente quando fomos provocados pela Hannah Machado, arquiteta urbanista, dizendo que perdemos uma grande oportunidade de realizarmos intervenções significativas nas vias e fluxos de SP no pico da pandemia em 2020, momento em que as mesmas estavam livres de carros, como fizeram outras cidades o mundo.

Assim, o debate seguiu em torno de três principais pontos que compartilhamos a seguir:

  1. É urgente iniciar uma nova dinâmica de relacionamento entre iniciativa privada e poder público. O ponto de partida é nos colocarmos como suporte para decisões públicas através de análises técnicas e consensadas. Pela nossa experiência, há espaço em ambos os lados para essa mudança.
  1. O desafio de melhorar a mobilidade e distribuição urbana é tão complexo que parece impossível, mas não é. Foi colocado no grupo que ‘é tão complexo que escolhemos não enfrentar’. Em muitas vezes, é esse mesmo o sentimento: como podemos melhorar a mobilidade em São Paulo, com essa malha viária, com esses congestionamentos, com esse fluxo desordenado de pessoas por longas distâncias? Esse é apenas um dado do desafio e a saída está na colaboração.
  1. O ecossistema logístico precisa ocupar seu espaço legítimo de influência política assim como outros atores já o fazem. Talvez por ser uma área operacional nas empresas, talvez pelo setor ser extremamente pulverizado, não há organização institucional robusta que busque influenciar as políticas públicas e planos diretores como, por exemplo, já faz as empresas de construção civil. O desempenho das cadeias logísticas durante a pandemia, garantindo a disponibilidade de produto para os consumidores, mostra a força e importância desse ecossistema. A hora é agora.

Na SCAMBO temos atuado consistentemente nessa direção:

  1. Liderando o Smart Logistics SP, que está na reta final, projeto multi-stakeholder em parceria com o Banco Mundial junto ao poder público da cidade de São Paulo. E muitos desdobramentos estão por vir;
  1. Conectando diferentes atores do ecossistema que atuam efetivamente para melhorar a distribuição urbana, como nesse evento e no Logística do Futuro;
  1. Ampliando o escopo das análises, mudando nossas equações com novas variáveis que trazem também o impacto ambiental através das nossas parcerias com IBTS e ClimateVentures;
  1. Colocando a mão na massa para viabilizar novas soluções, por exemplo, um piloto de distribuição com bicicletas na periferia.

A situação da mobilidade urbana em São Paulo é sim um enorme desafio, não negamos isso. Porém, vemos esse desafio como uma grande oportunidade de melhorar significativamente a nossa vida através da colaboração na implementação de novas iniciativas de negócios sustentáveis.

Ainda não assistiu ao nosso Webinar? Saiba mais sobre o “Sob todas as Ópticas 2021” e veja o evento na íntegra aqui.

Se sua empresa está enfrentando desafios não triviais em operações logísticas e busca soluções únicas, inovadoras e aderentes a sua necessidade, somos seu parceiro para desenvolver e implementar mudanças de forma colaborativa e multi-disciplinar.

+55 11 3882-0115

Alameda Santos, 1.827, cj 62 – Cerqueira Cesar
São Paulo/SP, CEP: 01419-909

Que tal deixar seu nome e e-mail para receber noticias e novidades?