Freight Quality Partneship: Colaboração para o movimento urbano de cargas

03/09/2018 - SCAMBO

Freight Quality Partnership – FQP  A colaboração como forma de solucionar os problemas do movimento urbano de cargas.

Uma das principais características da logística urbana é o seu caráter multi-ator, onde o envolvimento de todos stakeholders tem se mostrado fundamental para o sucesso de novas estratégias. Essa característica condiz com o dinamismo dos sistemas logísticos, principalmente pelo nível de importância que eles representam a todos os setores da economia. No entanto, a força de cada parte, seja nos processos de tomada de decisão ou na implantação de novas estratégias de logística, varia de acordo com a natureza da mesma e o contexto da região. Em geral, cidadãos dependem da força que o poder público tem ao implantar políticas que satisfaçam seus interesses, enquanto os transportadores se encontram presos às exigências dos embarcadores e recebedores, bem como às restrições e legislações impostas pelas autoridades locais.

O transporte urbano de cargas é executado basicamente por empresas privadas, que se ocupam da operação e desenvolvimento de redes e centros logísticos, restando ao poder público a função de agente regulatório. Contudo nos últimos anos tem ficado cada vez mais claro que para atingir maior eficiência e sustentabilidade é necessário aumentar o nível de colaboração entre os setores públicos e privados. “Empresas privadas, em geral, possuem pouco envolvimento no processo de planejamento do trânsito e transporte local, e até pouco tempo atrás não existia nenhuma maneira reconhecida de como introduzir cooperação público-privada a longo prazo”(Taniguchi, 2015).  No entanto, mesmo a interação entre o poder público e os diversos stakeholders do transporte de cargas sendo uma tarefa complexa, ela tem trazido resultados interessantes através de várias parcerias desenvolvidas ao redor do mundo.

O conceito de FQP (“Freight Quality Partnership“, leia-se Parceria para Qualidade de Carga), começou a se desenhar na década de 2000 como uma forma de incentivar a colaboração em torno do transporte urbano de cargas. Pode ser definido como uma parceria de longo prazo entre stakeholders do setor de transportes envolvidos com cargas e planejamento logístico, que se encontram regularmente de maneira formal ou informal para discutir problemas e encontrar soluções seguras, eficientes e ecologicamente corretas. Estes conselhos são formados principalmente por operadores logísticos, investidores, varejistas, representantes do setor industrial, autoridades locais, prestadores de serviços e demais órgãos interessados. Em sua maioria possuem abrangência local ou regional e são gerenciadas de três formas: Por um membro indicado/contratado pela entidade, pelas autoridades locais ou por consultorias.

Uma das referências mundiais é a “South London Freight Quality Partnership” (SLFQP), que reúne todas as principais partes interessadas no setor de fretes no sul de Londres. A visão declarada do SLFQP é: “Desenvolver um entendimento comum das questões de transporte de carga entre os membros e promover soluções construtivas que conciliem a necessidade de acesso a bens e serviços com preocupações ambientais, sociais e de segurança locais”. Como conquistas obtidas pelo órgão, pode-se citar: estudo de viabilidade para a construção de um centro de consolidação de cargas, estratégia logística de construção, código de prática de carga e descarga, mapeamento de fretes locais, sinalização, estratégias de roteirização, esquema de reconhecimento de operadores de frete e projeto piloto de entregas noturnas. Ao lado de Londres, cidades como Copenhagen, Osaka, Gotemburgo, Oslo também tem obtido resultados interessantes através do desenvolvimento de iniciativas semelhantes.

Diversos exemplos ao redor do mundo mostram que as FQPs vieram para ficar e se apresentam como uma das melhores soluções para incentivar a cooperação e representar de forma equilibrada os interesses das várias partes envolvidas no transporte urbano de cargas, possibilitando a obtenção de resultados de muito valor com baixo investimento financeiro.

Referências:

  • Lindholm, Browne – Freight Quality Partnerships Around The World.
  • Eiichi Taniguchi,‎Russell G. Thompson – City Logistics: Mapping The Future 1st Edition.
  • Allen, M. Browne, M.Piotrowska and A. Woodburn – Freight Quality Partnerships in the UK–an analysis of their work and achievements.
  • South London FQP

Fale com a gente!

Av. Bernardino de Campos, 185 – Paraíso
São Paulo – SP, 04004-050

Que tal deixar seu nome e e-mail para receber noticias e novidades?

Pin It on Pinterest